Blog

As 3 priores frases para falar aos seus clientes

Publicado em 10/05/2016 às 10h00

O atendimento ao cliente é uma parte muito importante da empresa. A regra é simples: o cliente bem atendimento, sai satisfeito, volta a ter relações com a sua empresa, faz indicações e pode tornar-se fiel. O cliente mal atendimento, sai insatisfeito, nunca mais retorna à sua empresa, critica a sua empresa para seu público, etc. 

O atendimento pode decidir uma compra, um contrato e o laço de longa duração entre cliente e empresa. Então, o ideal é que você treine toda a sua equipe e desenvolva um método de atendimento ao cliente

Uma parte importante, é ficar atento ao que NÃO falar para os seus clientes. Vamos ver:

"Não é problema meu" - se em algum momento da relação com o seu cliente, ele teve um problema e a sua empresa respondeu isso, seu cliente ficará muito furioso. Quando o cliente compra um produto ou contrata um serviço, ele espera por colaboração da empresa. Nunca diga que o problema não é da empresa, tente ouvi-lô e, sempre que possível, ajudá-lo.

"Você está errado" - conhece aquela velha frase: o cliente tem sempre razão? Pois então, não diga que ele está errado. Se um cliente, por exemplo, apresentar uma falha em seu produto ou serviço, que não seja realmente uma falha, não diga que ele está errado, encontre uma forma de mostrar a forma certa, sem ofendê-lo. 

“Não sei” - uma empresa deve saber tudo possível sobre seu universo. Se um cliente precisa de uma explicação para utilização de um produto que a sua empresa oferece, e a empresa não sabe responder, há um grande problema. A empresa deve conhecer todo seu universo para atender seus clientes e garantir propriedade em tudo que diz. 

Evite sempre estas 3 frases e busque sempre atender seus clientes de forma cordial e receptiva. 

Gostou dessa dica? Clique e continue lendo nosso blog!

Compartilhar

Aprenda online

Publicado em 07/05/2016 às 10h00

Aprender nunca é demais, e pensando nisto a LemonLab buscou na web buscando por cursos que possam melhorar seu conhecimento e  trazer utilidades para você. Na nossa lista, localizamos diversos sites que produzem conteúdo para estudar e fazer exercícios de desenvolvimento web e empreendedorismo. Vale a pena conferir!

Vamos ver a lista:

Khan Academy - materiais gratuitos de nível internacional para qualquer pessoa, em qualquer lugar do mundo.

Skillshare - melhora sua criatividade com aulas e projetos gratuitos na web.

Codecademy - aulas de programação de forma interativa e gratuita.

Coursera - cursos gratuitos pela web, oferecidos por mais de 80 universidades e instituições de destaque.

Startup Notes -  Startup Notes convida grandes fundadores a contarem suas histórias.

The How - aprenda com empreendedores

Launch This Year - guia para ajudá-lo a lançar seu negócio online.

Rocketship.fm - aprenda com empreendedores de sucesso toda semana.

reSRC.io - todos os recursos gratuitos para aprender programação.

Como abrir uma startup - Podcast em áudio ou Curso online.

Agora você tem bastante material bom para aprender diversos temas que podem ajudar e muito sua empresa. Aproveite!

Clique e veja mais dicas em nosso blog!

Compartilhar

Passo a passo para criar uma loja virtual

Publicado em 05/05/2016 às 10h00

Se você planeja tornar-se um empreendedor virtual e abrir uma loja online, existem algumas etapas do processo de criação da sua loja que valem ser trabalhadas para garantir o sucesso futuramente.

O Brasil lucra bilhões por ano com o e-commerce, as pessoas estão criando confiança e familiaridade com as lojas virtuais e adeptas a comprarem cada vez mais. Mas, para abrir a sua loja virtual, não pode faltar planejamento e estudo para você saber por onde começar e o que fazer neste percurso. Vamos lá:

Escolha um produto

Defina qual o(s) melhor(es) produto(s) para você trabalhar na sua loja virtual. É muito importante ter um foco, mesmo que você venda mais de um produto, é importante que eles tenham o mesmo segmento. Afinal, não faz sentido vender pneus e roupas na mesma loja virtual, não é mesmo?

A segmentação ajuda a você definir um mercado de atuação, um público e também facilita a sua identificação junto aos clientes. Escolha um produto que você tenha total conhecimento, que você acredite e, claro, que tenha qualidade.

Estude o mercado

Depois de definir seu produto, estudo tudo sobre o mercado dele e ao qual a sua loja virtual está entrando. Conheça os números, dados e informações desse mercado, desde lucro anual, principais empresas no ramo, novidades, etc. Também identifique os seus principais concorrentes, possíveis parceiros e fornecedores

Defina Seu Público-Alvo

Conhecer a fundo seu público-alvo é um fator determinante para o sucesso da sua loja virtual, pois sem saber quem é seu público, você não saberá para quem e como vender. Conheça seus gostos, seus costumes, cultura, valores, forma de consumo, forma de comunicação, tudo, exatamente tudo que for possível. Quanto melhor você conhecer seu público, melhor será a relação de vocês.

Crie sua loja virtual na LemonLab

As vezes as pessoas desistem de criar uma loja virtual por não saber programar, ou até por não ter condições de pagar caro para uma empresa construí-la para você. Na LemonLab, você consegue criar sua loja virtual do seu jeito, de uma forma fácil e intuitiva, sem precisar programar e ainda é baratinho.

Você pode escolher entre diversos modelos prontos de loja virtual e adaptá-lo para sua marca, tornando-o exclusivo.

Marketing

Planeje uma estratégia de marketing para sua loja virtual. Sem divulgação, ações e promoções, será muito difícil ter sucesso. Divulgue sua loja e seus produtos nas redes sociais, e-mail marketing, entre outros. Não é necessário fazer grandes investimentos, com um valor bem reduzido já é possível conseguir resultados na internet e muitas vezes não é necessário nem investir dinheiro, como em algumas redes sociais e as técnicas SEO.

Com trabalho e planejamento você consegue criar uma loja virtual de sucesso e expandir sua marca na internet.

Ainda não tem uma loja virtual? Clique e crie uma loja virtual!

Compartilhar

Maneiras reais de ganhar dinheiro na internet

Publicado em 03/05/2016 às 10h00

É comum encontrarmos diversas promessas de ganhar dinheiro com a internet, que na maioria das vezes não é bem isso. A realidade é que para ganhar dinheiro, na internet ou não, o caminho é trabalhar

Existem sim algumas formas de ganhar dinheiro com a internet, mas não é nada mágico, porém pode ser muito satisfatório e te dar o sucesso profissional que você procura, ou seja, ter estabilidade financeira, gostar do que faz e organizar seu trabalho de forma que não prejudique sua vida pessoal. 

Para te ajudar, a LemonLab separou alguns dos principais projetos que é possível ganhar dinheiro na internet. Vamos ver:

Produzir textos para blogs

Se você escreve bem e gosta disso, é possível escrever para blogs e portais e receber por cada conteúdo que você produzir. Existem diversos blogs, de diversos temas e assuntos, basta você perceber quais temas você tem mais afinidade para produzir conteúdo.

Edição e tradução de textos

Se você fala outras línguas e consegue traduzir fluentemente, utilize suas habilidades para traduzir textos. Muitas empresas no país inteiro procuram por profissionais para tradução de documentos, arquivos, etc. Também há blogs, sites e portais que buscam profissionais para traduzir conteúdo. Você pode oferecer seus serviços através da internet para o Brasil inteiro. 

Criar um blog

Você não precisa escrever somente para outras pessoas. Se você gosta de produzir conteúdo, independente do tema, pode criar um blog e torná-lo rentável. Com o seu blog atingindo um número bom de leitores, é possível lucrar alugando espaço do seu site para banners publicitários, ou até fazendo publieditorial para empresas no seu blog.

Criar uma loja virtual

O Brasil é um dos países que mais lucram com e-commerce no mundo. A cada ano as compras online superam marcas de bilhões de reais. Abrir uma loja virtual pode ser algo muito lucrativo, mas você deve pesquisar muito bem antes de abrir sua loja online. Com planejamento, trabalho e dedicação é possível ter bons resultados no e-commerce brasileiro.

Ser web designer

Você não precisa nem saber programar para ser um web designer atualmente. Com a ferramenta de criação de sites da LemonLab, você pode montar seu negócio vendendo sites para empresas e comércios da sua região. É muito simples criar um site na LemonLab, você pode oferecer esse trabalho para os comerciantes que ainda não tem site e cobrar pelos seus serviços de criação de site e manutenção. 

Existem diversas possibilidades de ganhar dinheiro com a internet de forma real, sem pegadinhas. Basta você trabalhar e dedicar-se para ter sucesso.

Comece criando seu próprio site!

Compartilhar

Sites para inspiração em design

Publicado em 30/04/2016 às 10h00

Para criar um site ou um material publicitário criativo e com qualidade para sua empresa não é algo simples e diversas vezes as pessoas precisam de inspirações para conseguir desenvolver seus projetos. E trabalhar com design é uma tarefa muito exigente, pois, independente do material que você tenha que produzir, seja o site da sua empresa, banners, etc, o design tem o dever de carregar em si todo o conceito e mensagem que a sua marca pretende divulgar.

Para ajudar a desenvolver um material de design criativo, a LemonLab seleciou alguns sites que ajudam na parte de inspiração para desenvolver seus projetos. Vamos lá:

Pronto, agora você já tem diversas referências e inspiração para desenvolver a parte de design da sua empresa. Aproveite!

Clique e continue lendo nosso blog!

Compartilhar

Saiba o que é o Google Alertas

Publicado em 28/04/2016 às 10h00

O Google Alertas é ótimo para acompanhar o que é publicado sobre o seu setor, concorrentes, interesses e até sobre sua própria a empresa. Por isso, é um serviço muito útil e relevante para quem quer criar um site.

O Google Alertas é um serviço que, através de palavras-chave ou frase, você recebe atualizações sobre o assunto que desejar. Todo conteúdo que for publicado na internet sobre o assunto que você registrou será enviado para o seu e-mail. Assim, você poderá acompanhar todas as novidades, oportunidades e concorrentes em tempo real.

 

 

 

 

 

 

Como usar o Google Alerts:

Acesse o link -  http://www.google.com.br/alerts

E-mail: indique para qual e-mail serão enviadas as notificações. Basta fazer login com uma conta do Gmail.

Consulta de pesquisa -  insira o termo que deseja receber as notificações, uma palavra ou frase que desejar, como criar site, viagem, promoções, moda, etc.

Tipo de resultado - qual tipo de conteúdo deseja receber, você pode escolher todos os tipos ou ser mais específico, como notícias, vídeos, outros.

Frequência: você pode definir se quer receber as atualizações todos os dias, uma vez por semana, por mês, isso você que escolhe. Mas o recomendado é que seja diariamente, pois assim você acompanha momentaneamente os assuntos importantes.

Quantidade - você pode filtrar para receber somente os mais relevantes ou receber tudo que for sobre o tema.

Agora basta clicar em “Criar Alerta” que você receberá um e-mail solicitando a confirmação de criação do alerta. Após você confirmar você já terá seu alerta criado. Tenha a liberdade de criar quantos alertas forem necessários.

Com a opção “Gerenciar seus alertas” é possível editar os alertas e alterar qualquer uma das informações ou até excluir o tema que não quer mais.

Utilize o Google Alertas para ficar atento ao mercado e novidades.

Essa é mais uma dica LemonLab para empreendedores de sucesso. Conheça a LemonLab!

Compartilhar

Dicas para enviar um e-mail marketing

Publicado em 26/04/2016 às 10h00

O e-mail marketing é uma estratégia de comunicação e relacionamento com os clientes e uma “arma” importante para gerar tráfego para o site. 

Por isto, criar conteúdo relevante junto a um design atraente é essencial para atrair o interesse do público e, consequentemente, gerar bons resultados. Porém, antes de disparar para sua base de contatos, vamos mostrar alguns pontos fundamentais do e-mail marketing que devem ser verificados. São eles:

Links – confira todos os links que estarão em seu e-mail marketing. Veja se estão funcionando corretamente e se apontam para a página correta.

Formas de visualizações – dependendo do provedor de e-mail a imagem do e-mail marketing pode não ser carregada corretamente. Para evitar problemas, certifique-se que a mensagem “caso não consiga visualizar este e-mail, clique aqui” esteja no topo do e-mail.

Descadrastamento – é direito da pessoas decidir se deseja continuar recebendo e-mail marketing ou não, por isto, sempre adicione essa opção no e-mail, sem exceções.

Imagens salvas para web – o formato que as imagens são salvar altera o tamanho do documento, logo, o tempo de carregamento. Salvar as imagens para web, deixam as imagens mais leves e fáceis de carregar. Um e-mail com imagens não carregadas por completa não transmite a mensagem corretamente, logo, a comunicação é falha.

Testes – antes de enviar para sua lista de contatos, envie um e-mail para si próprio para verificar se está tudo funcionando corretamente.

A internet é um mundo de possibilidades. Você pode desenvolver diversas ações para ampliar seu negócio. Comece já a expandir sua marca na internet: Crie um site para sua empresa!

Compartilhar

Sites que ajudam a produzir conteúdo

Publicado em 23/04/2016 às 10h00

Produzir conteúdo para seu blog, ou blog da sua empresa não é uma tarefa tão simples, isto porque é comum faltar inspirações e ideias para produzir novos textos que tenham relevância para os visitantes. Essa falta de inspiração para escrever pode acontecer em qualquer mercado, seja comércio, moda, mundo pet, contábil, etc.

Para colaborar com o seu blog para não perder a periodicidade de posts e criar bons conteúdos, a LemonLab separou alguns sites que ajudam você a produzir conteúdo com ideias, sugestões e inspirações. Vamos ver:

Google Trends - ferramenta da Google que monita ao vivo os termos mais buscados em seu site, é possível selecionar as buscas por região, categorias e também é possível adicionar um termo para saber o índice de pesquisa da palavra.

Portent - o site dá diversas dicas de conteúdo para produzir conforme cada palavra que você adiciona como tema. Por exemplo, se você quer escrever sobre "Tecnologia", ao adicionar o termo o site gera alguns assuntos que você pode abordar como post para seu blog. Site em inglês.

Swayy - o Swayy ajuda você descobrir temas que tenha relevância para o seu público através de uma analise do seu perfil nas redes sociais. Site em inglês.

Buzzsumo - nesse site é possível analisar qual tipo de conteúdo garante mais resultados conforme o tema que for abordado. Site em inglês.

Hubspot Blog Topic Generator - aqui você pode adicionar 3 tópicos sobre o tema que pretende abordar, como resposta o site te dá ideias personalizáveis para você escrever em seu blog.

Também selecionamos outras ferramentas que podem ajudar você a achar novos conteúdos, como o  Twitter Trending, Google Postagens InteressantesQuora e Reddit.

Clique e veja mais dicas em nosso blog!

Compartilhar

As imagens representam seu site

Publicado em 21/04/2016 às 10h00

É comum encontrar sites com imagens muito bem selecionadas no topo da página da home. Essas imagens são escolhidas para representar a empresa em uma única imagem, logo, deve tomar muito cuidado ao escolher as imagens.

Ao criar um site, a imagem do topo pode ser uma escolha definitiva. Porém, alternar as imagens conforme o calendário e momentos da empresa possa ser algo positivo.

Separamos alguns bons motivos para a mudança de imagem. Veja:

Ano Novo - início de ano representa renovação. Representar isto no site da sua empresa, demonstra como a marca é criativa, flexível e engajada com o momento.

Ocasiões Festivas - Páscoa, Natal, Dia das Mães, Festa Junina, Dia dos Pais, Dia das Crianças, Independência são datas oportunas para você renovar as imagens de seu site. As imagens devem ter ligação com a sua marca ou produtos e a data em questão. 

Marketing - Promoções, liquidações, eventos que você está promovendo, e outras situações. Sempre que promover uma campanha, mude as imagens de topo do seu site para que os visitantes possam ser impactados na primeira oportunidade.

Ao criar seu site, você perceberá que os modelos possuem fotos direcionadas para o seu segmento, mas você pode alterá-las sempre que achar necessário. Comece já a criar seu site!

Compartilhar

De onde vem o tráfego para seu site

Publicado em 19/04/2016 às 10h00

A melhor maneira de saber o status de seu site é através do Google Analytics, uma ferramenta do Google capaz de extrair dados e informações essenciais para identificar o tráfego de cada página.

Você pode verificar, por exemplo, a origem do tráfego, ou seja, de onde vem os acessos para o site, se é direto, via redes sociais, referência, pago ou orgânico. Vamos exemplificar cada um deles:

Direto – tráfego direto significa que digitaram o endereço do seu site no navegador para acessá-lo. O que é um ponto positivo, pois significa que os visitantes conhecem e memorizaram seu site.

Social - São visitas que chegam ao seu site através das redes sociais, como o Facebook, Twitter, Youtube, etc. Também são levantados nessa etapa as visitas através de outros blogs de plataformas como WordPress e Blogger. É importante identificar as visitas através das redes sociais para mensurar se suas divulgações estão dando resultados.

Referência – são acessos através de links de sites e blogs que postaram algo com referencia ao seu site, pode ser portais de notícia, sites de empresas, blogs parceiros, etc. É importante levantar esses dados caso tenha parcerias com blogs e sites para divulgação do seu endereço.

Orgânico – são acessos através dos sites de buscas, como Google, Bing e Yahoo Search, por exemplo. São contabilizados todos os acessos que localizaram seu site através de uma busca por palavras-chave nos sites de busca. Esse ponto é essencial para identificar se as técnicas SEO estão gerando resultados.

Pago – esses acessos também são contabilizado através dos sites de buscas, porém, não são resultados orgânicos, são pagos. São os famosos Links Patrocinados

Você deve sempre acompanhar a evolução do seu site no Google Analytics para saber o que está dando certo e o que precisa melhorar. 

Caso ainda não tenha um site para sua empresa, Clique aqui para criar um site!

Compartilhar

show fwR center|left tsN fwB normalcase|left show fwB fsN normalcase|bnull||image-wrap|news fwB tsN fwR tsY c05 b02ns bsd|fwR uppercase fsN c05|uppercase c10 b02ns bsd|login news fsN uppercase c05|tsN fwR uppercase fsN c05|b01 bsd c05 uppercase|content-inner||